GPS (Guia Para Sair)

Como fazer sua lista de metas para 2015!

O que você pretende fazer no ano que vem? Como foram os 365 dias de 2014? Se arrependeu de não ter feito alguma coisa?

Parar de fumar, matricular-se na academia, concluir aquela pós-graduação, alimentar-se melhor… Enfim, quem nunca começou janeiro com muito pique para resolver a vida de uma vez por todas?
Espero que eu não seja a única, por isso vou mostrar como planejei minhas metas para 2015!

Passar 2015 sem aperto.
Se economizar por 11 meses, porque é impossível economizar em dezembro, você já não consegue adquirir tudo que deseja, imagine em 6. Por isso começar a economizar em janeiro é a melhor opção, não deixe para amanhã o que você pode começar hoje!

Focar na vida profissional
Estudar é muito bom. E estudar o que se gosta, melhor ainda.
Então, não perca tempo e comece a pensar o que você vai fazer para melhorar sua experiência profissional, talvez um curso diferente para fazer durante o ano, um livro para ler, um idioma diferente. Se escolher algum de curta duração, dá até para fazer mais de um. Fotografia, culinária, pintura, desenho, teatro, tudo vale. O importante é gostar. Alguns cursos até podem complementar com o seu cargo, mas outros podem te ajudar em outras áreas, por exemplo, se você é muito tímida e morre de medo quando precisa fazer uma apresentação, que tal fazer um curso de teatro ou expressão corporal? A única condição é que o curso realmente lhe acrescente algo interessante, seja na área que for.

Autoconhecimento

O primeiro passo é saber o que e por que deseja. Muitas vezes, não conseguimos realizar um plano ou promessa de Ano-Novo porque, sem perceber, na verdade não queremos aquilo.

Uma maneira de descobrir do que você realmente gosta pode ser experimentando coisas novas. Por exemplo, se desejar fazer exercícios, precisa rever seus horários de trabalho; portanto, sua resolução de Ano-Novo deveria ser ‘Vou tentar trabalhar menos” em vez de ‘Vou voltar a fazer exercícios.’ Nossos hábitos competem entre si. Devemos conhecê-los para controlá-los. Uma mudança, qualquer que seja, transforma um equilíbrio já estabelecido em nossas vidas, por isso é tão difícil!

E assim nos ajudar com as decisões futuras!

Ajudar o próximo
Programe um tempo na semana para ajudar o próximo, uma amiga que precisa da sua ajuda, passar um tempo com a família como sair para comer alguma coisa, adotar uma criança no Natal. Você vai ver como isso pode ser gratificante.

Viajar mais
Viajar é uma das melhores coisas da vida, junto com comer, ahahaha brincadeira.
Você conhece lugares, novos, pessoas novas, tem experiências novas, por isso é bom economizar desde janeiro, assim você pode “abusar” e conhecer mais de um lugar por vez.
Quem sabe você não encontra o amor da sua vida sentado ao seu lado no avião?

Cultivar relacionamentos
2015 é ano que fazer novos amigos e manter os velhos. Saia mais, aproveite bem o tempo livre as férias, queira ter eles por perto. É sempre bom estar com quem nos faz sentir bem.

Ler mais
Ler, é sempre bom, nos ajuda a falar sobre diversos assuntos, ampliar nosso conhecimento, nos deixa mais criativos, ajuda na vida profissional, melhora a memória, diminui o estresse.
Só vantagens

Pare de reclamar e criticar
Uma coisa que mulher faz e faz bem é reclamar e criticar.
O problema não está em reclamar: o problema está em apenas reclamar. Se queremos que nossa vida mude, temos que tomar alguma atitude pra isso. A parte mais importante, que seria achar a solução para reclamação, simplesmente é abandonada, transformando a atitude de reclamar em algo totalmente inútil.

Falar menos e fazer mais
Sabe aquela frase “segunda eu começo a dieta” mas ai você passa na frente do Mc Donalds na hora do almoço, ou justo na hora que você ia na academia, começou aquele filme que você está tentando ver faz muito tempo.
Em 2015 você quando você falar que vai fazer dieta, correr, emagrecer, tirar o passaporte, arrumar emprego, começar uma faculdade, você vai mesmo!

Mudar coisas pequenas
Se você está disposto a mudar um comportamento seu, tenha em mente qual sua ação nova e quais resultados você espera daqui para frente. Porém, é importante que você analise bem a situação que vive antes de tomar uma atitude radical de mudança, sem preparo ou estratégia. Esse tipo de ação desorganizada é tão nociva quanto um mau hábito.
A mudança de hábito pode ser feita em etapas, que dividi em perguntas:

1) Conscientização do problema: o que você quer mudar?
2) Quando você começou a ter esse tipo de comportamento?
3) Quais são os ganhos que você tem ao realizá-lo?
4) O que você perde por repetir constantemente esse tipo de hábito?

Mas para responder essas perguntas você tem que ter em mente:

1) Comece ao poucos
2) Tenha uma meta possível de ser realizada
3)Seja auto motivadora
4)Admire pessoas que tem o comportamento que você quer ter.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s